não quero que um alemão me amarre e me espanque com uma raquete de ping pong

Ainda bem que não mostrámos aos alemães o vídeo em que damos abracinhos aos polícias e dizemos que aquilo é que é o Portugal real.

Senão, depois de ontem, corríamos o risco de eles ficarem com a impressão que nós gostamos todos é de BDSM.
E eu não gostava nada que eles ficassem com essa impressão minha.

2 comentários:

Vadia disse...

mas tens alguma coisa contra o BDSM? Será porque ainda não experimentaste ou porque te correu mal, com certeza.
Chérie, gostos não se discutem :)))

Menino De Sua Mãe disse...

Vadia, nada de pessoal contra o BDSM, apenas não é a minha praia (as we speak, se eu percebesse alguma coisa do futuro ia para vidente em vez de blogger, que é coisa com saída).

Mas nada contra quem é dado a ele.

Não me apetece é levar com um BDSMer alemão assim up close and personal.... :p